logo Troca linha TROCA - Plataforma por um comércio internacional justo

Macron falta à sua palavra quanto ao CETA

Macron falta à sua palavra quanto ao CETA

Macron falta à sua palavra quanto ao CETA

Durante a campanha presidencial, Emmanuel Macron, que sempre se pronunciara a favor do CETA, foi pressionado por um eleitorado atento e descontente com o acordo. Em resposta, Macron afirmou-se disposto a reconsiderar a sua posição se uma comissão de peritos criada por si em Julho de 2017 para estudar os impactos do CETA desse um parecer negativo.

O relatório da comissão de peritos foi publicado e surpreendeu muitos pela sua clareza. Entre outras coisas o relatório afirma que o CETA é incompatível com o acordo de Paris.

Não obstante aquilo que havia prometido, Emmanuel Macron defende a ratificação do CETA em França tão cedo quanto possível. Dada a geometria parlamentar, é possível que o CETA seja ratificado em França muito brevemente.